Economia: mercado financeiro oferece ampla atuação e exige profissionais cada vez mais capacitados

Muitos de nós vemos a economia como um dos pilares da condução de uma empresa no mercado. Acreditamos que sua importância vai desde saber onde e quando investir, até salvar o seu negócio de uma possível falência. Mas a verdade é que um profissional formado na área pode, segundo o professor Allisson Martins, coordenador do curso de Economia da Universidade de Fortaleza, desempenhar um papel muito estratégico no País. 

“Seu campo de atuação pode ser tanto no setor público quanto no privado, em empresas nacionais ou multinacionais. Além disso, ele tem a possibilidade de ser investidor, empreendedor, analista de investimentos e tantas outras áreas ao seu dispor”, explica Alisson. Essa ampla possibilidade de atuação está diretamente ligada a uma revolução econômica e digital; para estar preparado(a), um curso de excelência pode fazer toda a diferença.  

“Nosso curso se diferencia dos demais já pelo corpo de professores, todos mestres e doutores, com experiência e atuação no mercado. No curso de Economia, nós temos o nosso Núcleo de Práticas em Economia (NUPE), que dá aos nossos alunos a experiência de ser economista”, reforça o professor. Ainda segundo Allisson, uma das experiências consiste em simular como seria a demanda de um banco, com relatórios econômicos e trabalhos em cima de mercado de capitais. Com o NUPE, o aluno se desenvolve em cima dos moldes atuais da economia mundial e sai capacitado para entrar no mercado de trabalho. 

Confira a entrevista na íntegra